Ver Cesto de Compras

Nº Artigos: 0

Cesto Compras Cesto Compras

Total: 0€

Finalizar Compra Finalizar Compra

 

Juan Gelman 

Notas biobibliográficas

Juan GelmanJUAN GELMAN nasceu em Buenos Aires (Argentina) no ano de 1930 e reside actualmente no México.

Tido como uma das mais importantes vozes da poesia castelhana contemporânea, escreveu os seguintes livros: Violín y otras cuestiones (1956), El juego en que andamos (1956-1958), Velorio del solo (1961), Gotán (1962), Cólera buey (1962-1968).

Gelman recebeu em 2005 o “XIV Premio Reina Sofía de Poesía Iberoamericana”, concedido pelo Estado Espanhol e pela Universidade de Salamanca. Pela sua importância, o “Premio Reina Sofía” equivale a uma espécie de Nobel da Literatura para os poetas de expressão hispânica.

A poesia de Gelman vem sendo traduzida para diversas línguas, tais como o francês, o inglês, o alemão, o italiano, o norueguês, o sueco, o grego, o hebraico, o russo, o chinês, o checo e o turco.

No Brasil o leitor conta com a antologia organizada por Eric Nepomuceno intitulada Amor que serena, termina? (Record, 2001), com o volume isso (UnB, 2004), preparado e traduzido por Andityas Soares de Moura e Leonardo Gonçalves e com o poemário Com/posicões (Crisálida, 2007), com tradução, introdução e notas de Andityas Soares de Moura.

A edium editores publicou em Janeiro de 2007 o poemário dibaxu (dibaxu/debaixo/debajo). Este livro, escrito entre 1983 e 1985, enquanto Juan Gelman se encontrava no exílio, é um dos mais intensos deste poeta argentino. Escrito originalmente em sefardita, apresenta-se aos leitores portugueses traduzido para língua portuguesa pelo poeta e ensaísta brasileiro Andityas Soares de Moura e inclui um apêndice vertido ao castelhano pelo próprio Juan Gelman..

Obra publicada pelo escritor Juan Gelman:

Livros:

Traduções:

  • Los poemas de John Wendell (1965-1968)
  • Los poemas de Yamanokuchi Ando (1968)
  • Los poemas de Sidney West (1968-1969)
  • Fábulas (1971)
  • Relaciones (1971-1973)
  • Hechos (1974-1978)
  • Notas (1979)
  • Comentarios (1978-1979)
  • Citas (1979)
  • Carta abierta (1980)
  • Si dulcemente (1980)
  • Bajo la lluvia ajena: notas al pie de una derrota (1980)
  • Hacia el Sur (1981-1982)
  • Eso (1983-1984)
  • Com/posiciones (1984-1985)
  • dibaxu (1983-1985),
  • Anunciaciones (1985)
  • Carta a mi madre (1984-1987)
  • Salarios del impío (1984-1992)
  • Incompletamente (1993-1995)
  • Valer la pena (1996-2000) e (2001-2004). 

Obras Publicadas pela edium editores do escritor Juan Gelman

     Dibaxu  - Autor: Juan Gelman  - Colecção: Poesia    

dibaxu
Colecção: Poesia   

 Alguns vídeos de Juan Gelman